Especialidades

Odontologia no Taboao da Serra

  • CirurgiaOpen or Close

    Muitos dentistas recomendam a extração de dentes inclusos e semi inclusos que nasceram apenas parcialmente. As bactérias podem se instalar em volta de um dente que nasceu parcialmente, causando uma infecção, a qual pode se estender para o osso adjacente e tornar-se um problema ainda mais sério. Os dentes inclusos continuam tentando atravessar o tecido da gengiva mesmo quando não há espaço suficiente para acomodá-los. A constante pressão causada por esta tentativa de erupção pode acabar afetando as raízes dos dentes vizinhos. Remover um dente incluso pode evitar uma infecção, danos aos dentes e osso adjacentes, além de evitar um sofrimento futuro.

    Outras indicações de extração dentária são: dentes completamente comprometidos por destruição de cáries ou fraturas e perda das estruturas de suporte do dente causadas por doença periodontal.

    As cirurgias não se resumem somente em extrações dentárias. A Odonto10 realiza diversos tipos de cirurgia oral menor, como por exemplo, Aumento de coroa clínica de um dente, Gengivectomia, Frenectomia, etc.

    Informe-se com o seu dentista!

  • Clareamento DentalOpen or Close

    Significativa mudança de cor em um curto período de tempo é a principal vantagem do clareamento em consultório. Este protocolo envolve o uso cuidadosamente controlado de um gel de peróxido de concentração relativamente elevada, aplicado nos dentes pelo dentista após as gengivas serem protegidas. Geralmente, o peróxido permanece nos dentes por vários intervalos de 15 a 20 minutos que se somam à 45 minutos. Aqueles com particular coloração teimosa podem ser aconselhados a voltar para uma ou mais sessões de clareamento adicionais, ou pode ser solicitado a continuar com um sistema de branqueamento de uso doméstico.

    Clareamento Caseiro

    Os clareamentos caseiros também apresentam uma significativa mudança de cor só que necessita de um período de tempo maior do que o clareamento no consultório. Utiliza-se um gel de concentração de peróxido mais leve que permanece nos dentes pelo período determinado pelo seu dentista dependendo do produto utilizado. Quanto menor o percentual de peróxido, mais ele pode permanecer com segurança sobre os dentes. O gel é aplicado sobre os dentes usando moldeiras de branqueamento personalizadas que se assemelham a protetores bucais.

    Para um resultado maiss claro e eficaz a Odonto10 recomenda o “clareamento associado” (clareamento caseiro + clareamento no consultório). Para isto é preciso fazer uma avaliação prévia com o seu dentista para saber qual a melhor indicação.

  • DentísticaOpen or Close

    Dentística é o ramo da odontologia que atua na área da cosmética e restauração dental.

    A restauração é uma forma de fazer com que o dente afetado pela cárie volte à sua forma e sua função normal. Quando o dentista faz uma restauração, ele primeiro remove a parte do dente que esta deteriorada, limpa a área atingida e então preenche a cavidade limpa com um material de restauração.Ao fechar os espaços onde as bactérias podem se infiltrar, a restauração também ajuda a prevenir uma deterioração posterior. Os materiais utilizados para as restaurações podem ser ouro, porcelana, resina e amálgama.

    O que são cáries?

    "Cárie" é uma outra forma de se denominar a deterioração do dente. A deterioração do dente é fortemente influenciada pelo estilo de vida do indivíduo - o que se come, como se cuida dos dentes, a presença de flúor na água ingerida e o flúor no creme dental. A hereditariedade também tem um papel importante na predisposição de seus dentes para se deteriorarem. A cárie constitui um sério problema. Se não for tratada, uma cárie pode destruir seu dente e matar os delicados nervos na sua parte central, o que pode resultar em um abscesso, uma área de infecção na ponta da raiz. Uma vez formado o abcesso, ele só pode ser tratado através do tratamento do canal, de cirurgia ou da extração do dente.

    Como posso ajudar a evitar as cáries?

    • Escove os dentes pelo menos três vezes ao dia, e use o fio dental diariamente, a fim de remover a placa bacteriana entre os dentes e sob a gengiva.

    • Faça avaliações regulares. O cuidado preventivo pode evitar que os problemas ocorram e que problemas menores se tornem sérios.

    • Adote uma dieta balanceada, com pouco açúcar e amido.

    • Quando ingerir estes alimentos, procure comê-los durante a refeição, e não como um lanche, para minimizar o número de vezes que seus dentes são expostos ao ácido.

    • Utilize produtos dentários que contenham flúor, incluindo o creme dental.

    • Certifique-se de que a água que suas crianças bebem contenha flúor. Se a água fornecida em sua localidade não contém flúor, seu dentista ou pediatra pode prescrever suplementos de flúor diários.

  • EndodontiaOpen or Close

    1O que é tratamento de canal?

    O tratamento do canal da raiz dentária consiste na retirada da polpa do dente, que é um tecido encontrado em sua parte interna. Uma vez que a polpa foi danificada, infeccionada ou morta é removida, o espaço resultante deve ser limpo, preparado e preenchido. Este procedimento veda o canal. Alguns anos atrás, os dentes com polpas infeccionadas ou mortificadas eram extraídos. Hoje em dia, um tratamento de canal salva muitos dentes que de outra forma teriam sido perdidos.

    O tratamento de canal enfraquece os dentes?

    O que causa enfraquecimento dos dentes é a perda da estrutura dental causada geralmente pela cárie que, por sua vez, leva o dente a necessitar do tratamento de canal.

    Por que algumas vezes é necessário realizar o retratamento do canal?

    Quando o tratamento de canal anterior não foi bem executado por algum motivo (dificuldades anatômicas, raízes com curvaturas acentuadas, canais calcificados etc.), ou quando o dente não foi devidamente restaurado, pode ocorrer a recontaminação do canal pelas bactérias presentes na saliva, levando a necessidade do retratamento.

    O dente com canal tratado pode voltar a doer algum dia?

    Sim. Mesmo que o tratamento de canal tenha sido bem executado, o dente pode voltar a doer se não receber restauração definitiva ou se ocorrer uma cárie profunda permitindo a recontaminação do canal.

  • EstéticaOpen or Close

    Embora a odontologia estética tenha surgido com o propósito inicial de transformar o sorriso através das restaurações, hoje ela atua integrada a diversas áreas da odontologia, sendo estudada a possibilidade inclusive da estética gengival e dentição infantil, pois saúde e estética caminham intimamente ligadas tanto no seu aspecto físico quanto psicológico. A odontologia estética vem aprimorando cada vez mais suas técnicas de modo a oferecer a seus pacientes além da saúde bucal um visual mais agradável, pois o sorriso pode revelar muito sobre nossa personalidade, exatamente por isso ele deve sempre trabalhar a nosso favor e jamais contra nós.

    A odontologia estética oferece:

    • Restaurações de resina

    • Restaurações de porcelana

    • Facetas de porcelana

    • Maquiagem nos dentes

    • Clareamento dental

    • Coroas de porcelana

    • Piercing dental

  • ImplantesOpen or Close

    O que são implantes dentários?

    Implantes dentários são suportes ou estruturas de metal posicionadas cirurgicamente no osso abaixo da gengiva. Uma vez colocados, permitem ao dentista montar dentes substitutos sobre eles. Por serem integrados ao osso, os implantes oferecem um suporte estável para os dentes artificiais. Uma vantagem dos implantes é não ser necessário preparar ou desgastar um dente natural para apoiar os novos dentes substitutos no lugar. Para Receber um implante, é preciso que você tenha gengivas saudáveis e ossos adequados para sustentá-lo. Você também deve comprometer-se a manter estas estruturas saudáveis. Uma higiene bucal meticulosa e visitas regulares ao dentista são essenciais para o sucesso a longo prazo de seus implantes.

    Dúvidas Frequentes

    Quais as contra indicações para a colocação dos implantes?
    Quando há impossibilidade de realizar cirurgias orais por motivos de saúde do paciente; Na puberdade, enquanto há crescimento ósseo dos maxilares.

    Quais exames são necessários para realizar a cirurgia de implante?
    Basicamente são feitos exames radiográficos da região e uma avaliação da saúde geral do paciente, o dentista pode pedir exames de rotina e atualmente é comum realizar um exame de tomografia computadorizada para avaliar a quantidade óssea da área desdentada.

    Quanto tempo dura um implante dental?
    Com um planejamento adequado, boa saúde do paciente e condições ideais de higienização oral e manutenção, o implante é definitivo e não há necessidade de remoção ou troca.

  • Laser terapêuticoOpen or Close

    Luz com características muito especiais, que lhe conferem propriedades terapêuticas. O laser emite sempre uma luz pura, sem mistura, diferentemente da luz comum, formada de vários comprimentos de onda.

    Qual a vantagem do laser terapêutico?

    A grande vantagem é que, em vez do paciente tomar medicamentos, o laser ativa o próprio organismo a produzir certas substâncias que podem, muitas vezes, substituí-Ios. Por exemplo, se o paciente precisa de cortisona, o laser induz seu organismo a produzir cortisol, então ele não tem de tomar o medicamento, ou pode tomá-lo em doses reduzidas.

  • OdontogeriatriaOpen or Close

    Odontogeriatria é uma especialização da Odontologia que cuida da saúde bucal de idosos, prevenindo e tratando os problemas comuns a essa faixa etária.

    Que informações sobre a saúde bucal um indivíduo da terceira idade deve ter?

    Até mesmo quem escova e usa fio dental regularmente, pode ter alguns problemas específicos. Muitas pessoas na terceira idade usam dentaduras, tomam remédios e têm problemas de saúde geral. Felizmente, seu dentista pode ajudar você a encarar estes desafios com êxito quase que garantido.

    • As cáries e os problemas com a raiz dos dentes são mais comuns em pessoas da terceira idade. Por isso, é importante escovar com um creme dental que contenha flúor, usar fio dental todos os dias e não deixar de ir ao dentista.

    • A sensibilidade pode se agravar com a idade. Com o passar do tempo é normal haver retração gengival que expõe áreas do dente que não estão protegidas pelo esmalte dental. Estas áreas podem ser particularmente doloridas quando atingidas por alimentos e bebidas quentes ou frias. Nos casos mais severos, pode ocorrer sensibilidade com relação ao ar frio e a alimentos e líquidos doces ou amargos. Se seus dentes estiverem muito sensíveis, tente usar um creme dental apropriado. Se o problema persistir, consulte o dentista já que esta sensibilidade pode indicar a existência de um problema mais sério, como por exemplo cárie ou dente fraturado.

    • As pessoas idosas se queixam de boca seca com freqüência. Este problema pode ser causado por medicamentos ou por distúrbios da saúde. Se não tratado, pode prejudicar seus dentes. Seu dentista pode recomendar vários métodos para manter sua boca mais úmida, como tratamentos ou remédios adequados para evitar a boca seca.

    • Enfermidades preexistentes (diabete, problemas cardíacos, câncer) podem afetar a saúde da sua boca. Converse com seu dentista sobre quaisquer problemas de saúde existente para que ele possa ter uma visão completa da situação e para que possa ajudar você de forma mais específica.

    • As dentaduras tornam mais fácil a vida de muitas pessoas da terceira idade, mas exigem cuidados especiais. Siga rigorosamente as instruções do seu dentista e, caso ocorra qualquer problema, marque uma consulta. Os portadores de dentaduras definitivas devem fazer um exame bucal geral pelo menos uma vez por ano.

  • OdontopediatriaOpen or Close

    Saúde Bucal das Crianças

    Como posso ajudar meu(s) filho(s) a cuidar dos dentes e evitar cáries?

    Ensinar seu filho a cuidar dos dentes desde pequeno é um investimento que trará benefícios para o resto da vida dele. Comece dando o exemplo: cuide bem dos seus próprios dentes. Isto mostra a ele que a saúde bucal é importante. Atitudes que tornam o cuidado com os dentes algo interessante e divertido (como, por exemplo, escovar os dentes junto com ele ou deixá-lo escolher sua própria escova) incentivam a boa higiene bucal.

    Para ajudar seu filho a proteger seus dentes e gengiva e para ajudá-lo a reduzir o risco de cáries, ensine-o a seguir os seguintes passos:

    • Escovar pelo menos três vezes ao dia para remover a placa bacteriana (aquela película pegajosa que se forma sobre os dentes e que é a principal causa das cáries). Não se esqueça de escovar a língua.

    • Usar fio dental diariamente para remover a placa que se aloja entre os dentes e abaixo da gengiva, evitando que ela endureça e se transforme em cálculo dental. Depois que o cálculo se forma, só o dentista pode removê-lo.

    • Adotar uma alimentação equilibrada, com pouco açúcar e amido. Estes alimentos produzem os ácidos da placa que causam cáries.

    • Se for ingerir alimentos com açúcar e amido o consumo é indicado nas principais refeições e não entre as refeições (a saliva extra, produzida durante a refeição, evita que os resíduos alimentares se depositem nos dentes).

    • Certificar-se de que a água que suas crianças bebem contém flúor. Se a água não contiver flúor, seu dentista ou pediatra poderá prescrever suplementos diários de flúor.

    • Ir ao dentista para exames regulares.

  • OrtodontiaOpen or Close

    O que é ortodontia?

    A Ortodontia é a especialidade da Odontologia relacionada ao estudo, prevenção e tratamento dos problemas de crescimento, desenvolvimento e amadurecimento da face, dos arcos dentários e da mordida, ou seja, disfunções dento-faciais.

    A ortodontia pode ser dividida em ortodontia fixa (com braquetes e bandas coladas aos dentes) e removível (aparelhos removíveis). No adulto, quando as bases ósseas estão muito discrepantes, indica-se a cirurgia ortognática. Na criança em desenvolvimento estas discrepâncias podem ser tratadas com aparelhos ortopédicos.

    Guia de recomendações para o paciente que usa aparelho móvel

    1. Usar o aparelho móvel 24 horas por dia retirando-o apenas para as refeições e atividades físicas, ou a quantidade de horas especificadas pelo ortodontista.

    2. Guardar sempre o aparelho móvel em estojo apropriado que a Odonto10 oferece. Nunca embrulhe em guardanapos ou guarde no bolso.

    3. Se não puder usar o aparelho móvel devido a quebra, falta de adaptação, estiver machucando ou traumatismo, guarde-o em caixa ou recipiente com água até a próxima consulta. Telefone para o ortodontista e avise-o. Sendo necessário, ele irá antecipar a consulta.

    4. Nunca se deve colocar o aparelho móvel, após as refeições, sem ter escovado os dentes e o aparelho.

    5. Pode-se beber água com aparelho móvel, mas sucos e refrigerantes devem ser evitados.

    6. Ativar os aparelhos e trocar os elásticos de acordo com as recomendações.

    7. O aparelho móvel pode pressionar os dentes, mas nunca deve machucar. Uma sensação dolorosa é normal acontecer nos três primeiros dias após as ativações. A dor não deve ser insuportável. Avise o ortodontista se isso ocorrer.

    8. Reserve uma escova de dentes apenas para a limpeza do aparelho.

    9. Para evitar mau cheiro do aparelho móvel, coloque-o depois de escovado em meio copo de água com uma colher de sopa de água oxigenada a 10 volumes, ou uma colher de sobremesa de bicarbonato, deixe o aparelho na solução por 30 minutos. Nunca limpe o aparelho com água fervendo ou álcool.

    Guia de recomendações para o paciente que usa aparelho fixo

    1. Escove os dentes imediatamente após as refeições, e utilize o fio dental com o auxílio da agulha “passa fio” se preferir.

    2. Não utilize palitos. Eles podem danificar o aparelho.

    3. A partir do momento que se coloca aparelho fixo, o paciente não deve mais utilizar os dentes anteriores (da frente) para cortar alimentos (maça, cenoura, churrasco, sanduíches, etc.).

    4. Evite alimentos que tenha muita fibra (abacaxi, manga, cana-de-açucar, etc.). Podem-se fazer sucos com eles.

    5. Evite alimentos pegajosos (chiclete, bala de goma, caramelo, etc.), ou duros (pé-de- moleque, rapadura, amendoim, castanhas, nozes, côco, pistache, etc.).

    6. É normal o paciente sentir dor nos três primeiros dias após as ativações. Se o paciente não conseguir mastigar o alimento, tome líquido nestes casos e avise o ortodontista do ocorrido. O nível de sensibilidade à dor varia a cada paciente.

    7. Em caso de dor excessiva ou algum dano no aparelho que possivelmente causará feridas na boca não remova o aparelho por conta própria, ligue imediatamente para nós ou se preferir venha pessoalmente para um atendimento de urgência.

    8. Solicite ao ortodontista cera para evitar que o aparelho fixo machuque os lábios e as bochechas.

    9. A freqüência no uso do aparelho e as datas agendadas para as manutenções são importantes para determinar o tempo e a qualidade do tratamento.

  • PeriodontiaOpen or Close

    Especialidade odontológica responsável pela prevenção e tratamento das doenças que acometem os tecidos de sustentação e proteção dos dentes (tratamento da gengiva e do osso).

    O que é Tártaro?

    Tártaro, as vezes também chamado de cálculo, é uma formação do depósito de placas bacterianas que reagem quimicamente com fosfato de cálcio da saliva, originando uma camada endurecida sobre os dentes. Deve ser removida pelo dentista e pode ser prevenido pela escovação e uso do fio dental.

    O tártaro não só prejudica a saúde dos seus dentes e gengivas, mas também é um problema estético. Substância porosa, o tártaro absorve as manchas com mais facilidade. Assim, para aquelas pessoas que fumam ou tomam chá ou café, é ainda mais importante que evitem a formação do tártaro.

    Como saber se tenho tártaro?

    Ao contrário da placa bacteriana que é uma película incolor, o tártaro é uma formação mineral facilmente visível, se estiver acima do nível da gengiva. O sinal mais comum é uma cor marrom ou amarela nos dentes na região da margem gengival e entre os dentes. Outros sinais são: sangramento, alterações na posição dos dentes, mobilidade, retrações gengivais, retenções de alimento, inchaço, etc.

  • PiercingOpen or Close

    Para o universo dos adolescentes cada vez mais novidades surgem, como o piercing dental que ao contrário dos outros tipos de piercing, este não exige perfuração, não dói e sua aplicação nos dentes é rápida. Pode ser removido a qualquer momento sem trazer danos à estrutura dental. Pode ser encontrado em várias cores como rosa, azul e cristal, porém ao optar por esses piercings os cuidados com a higienização e mastigação devem ser redobrados, principalmente ao consumir alimentos rígidos.

  • PrevençãoOpen or Close

    Profilaxia e limpeza dos dentes

    As revisões de prevenção quase sempre incluem uma limpeza geral dos dentes. O dentista usará instrumentos e aparelhos especiais para raspar a região do dente localizada abaixo e acima da linha da gengiva, caso você tenha tártaro, e removerá também a placa bacteriana, localizada acima da linha da gengiva, com uma profilaxia. Tanto a placa bacteriana como o tártaro podem causar gengivite, periodontite, cáries, mau hálito e outros problemas. Também poderá ser feito em uma consulta de prevenção o polimento das restaurações e dos dentes para evitar acúmulo de bactérias e manchamento das restaurações, aplicação de selantes, orientações de higiene oral, etc.

    Radiografias

    Dependendo da sua idade, dos riscos de doença e dos sintomas apresentados seu dentista poderá recomendar que sejam tiradas radiografias periapicais e radiografia panorâmica, para ajudar no diagnóstico de problemas que não poderiam ser detectados de outra maneira, como, por exemplo, danos aos ossos do maxilar ou da mandíbula, dentes que sofreram trauma, abcessos, cistos ou tumores e cáries entre os dentes.

    Exame completo

    Seu dentista fará um exame cuidadoso de seus dentes, da sua gengiva e mucosa da boca, procurando sinais de enfermidades ou outros problemas. O objetivo aqui é ajudar a manter a saúde da sua boca e, se houver problemas, identificá-los e tratá-los o mais rápido possível, antes que se agravem.

  • PróteseOpen or Close

    Área da odontologia destinada à reconstrução e reposição de elementos dentários danificados ou perdidos, devolvendo ao paciente as características e funções mastigatórias, estéticas e fonéticas, além de recompor e proteger funções articulares.

    Nesta especialidade encontramos diversos tipos de próteses e suas indicações, como por exemplo:

    - Coroas de prótese fixa

    - Onlays e Inlyas

    - Facetas

    - Prótese Parcial Removível (ponte móvel)

    - Prótese Total Removível (dentadura)

    O que é coroa?

    É o nome que se dá a uma prótese que visa substituir a coroa de um dente natural que foi prejudicada em sua estrutura e em sua beleza. Estas podem ser coroas totais ou coroas parciais (Onlays e Inlays).

    É necessário afinar (desgastar) o dente para confeccionar uma coroa?

    Sim. Somente dessa maneira se obtém espaço suficiente para a confecção de uma coroa semelhante à forma e ao tamanho de um dente natural

    Quanto tempo dura uma coroa?

    A durabilidade dependerá, por parte do profissional, da acertada indicação, execução e escolha do material e, principalmente, por parte do paciente, através dos cuidados com a higienização e a utilização dessa prótese. Não existem prazos definidos de longevidade, por esta depender de inúmeros fatores.

    Qual o tempo de duração de uma dentadura?

    A cada 5 anos, o paciente deverá procurar o seu cirurgião-dentista, para uma análise criteriosa para confecção de novas dentaduras. Estética, harmonia facial, desgaste dos dentes, envelhecimento precoce, falta de retenção, reabsorção óssea, dores em algumas áreas são alguns itens importantes para indicação ou não de uma nova dentadura.

    Quanto tempo é necessário para se acostumar às dentaduras?

    A dentadura inferior leva 4 vezes mais tempo que a superior. Quanto mais tempo você empregar na mastigação, melhor será a adaptação. Não coma porções grandes de alimentos no princípio. Divida os alimentos em pequenas porções. Você terá dor e desconforto no começo; se aparecerem pontos dolorosos ou "calos" procure seu dentista, que lhe dará alívio necessário.

    Que tipo de alimentos devo comer?

    Coma somente alimentos macios e cremosos nos primeiros dias; à medida que for progredindo, coma alimentos mais sólidos e mastigue vagarosamente e por igual a fim de controlar a dentadura e a pressão das gengivas ao morder.